sábado, 9 de outubro de 2010

Luiza, a aluna vagabunda.




Seu Mario era o mais serio dos professores, e quando Luiza ficou sabendo que sua nota na disciplina dele havia sido sofrível, tinha urgentemente que fazer algo para que sua nota melhorasse milagrosamente, e como álgebra não era seu forte teria de usar de outros métodos para que seu mestre revisse a nota. Dito e feito, percebeu que o professor ainda estava na classe quando todos os alunos saíram, encostou a porta para espanto do professor que não entendia o que a garota pretendia. Luiza mostrou os seios fartos para seu mestre, aproximou-se e foi direto para a braguilha do professor, abriu o zíper e começou uma gulosa fabulosa.
O professor nem se mexia, e nem demonstrava o menor constrangimento. O gozo veio farto e bombante, foi um êxtase. Luiza engoliu tudo.
No outro dia ficou sabendo que sua nota melhorou consideravelmente.

Nenhum comentário: