segunda-feira, 5 de dezembro de 2011

Litoral sexual



Tomar um banho de sol naquela belíssima praia do litoral paulistano era tudo o que Natalia queria e fazia sempre que podia. Seu corpo escultural e apetitosamente delicioso para o gosto masculino era figura de destaque naquele cenário de verão brasileiro. Cantada era o que não faltava para aquela garota mulher de 23 anos de idade. A tarde o desejo aflorava e sempre uma cantada mais forte de algum macho que ela se interessasse era o suficiente para levá-la a um quarto de hotel, e era isso o que ela mais queria. Sim, já era 16 horas e nesse momento Natalia já estava num belo quarto de um hotel praiano sendo enrabada impiedosamente por algum playboy da região. Natalia era aquilo mesmo que algumas mulheres desejavam ser, porem a coragem faltava.

Nenhum comentário: